Sexta, 22 de Janeiro de 2021
89 994161886
Brasil COVID 19

Governo Federal não tem plano, mas Pazuello diz que vacina da covid será nacional

No mesmo dia em que Brasil registrou 51 mil novos casos da covid, disputas políticas dominaram o debate sobre imunização

09/12/2020 07h07
Por: Cirano Sousa Fonte: Brasil de Fato
Governo Federal não tem plano, mas Pazuello diz que vacina da covid será nacional

Ao mesmo tempo em que diversos países do mundo se preparam para iniciar as primeiras fases de vacinação contra a covid-19, no Brasil, as discussões sobre o tema continuam permeadas pela disputa política. Um dia após o governo do estado de São Paulo anunciar data para o início da campanha de imunização, o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, afirmou que não podem haver planos paralelos e que a campanha será nacional. 

"Qualquer vacina a que nós tenhamos acesso, fabricada no Brasil ou importada, que seja disponibilizada pra nós e que tenha registro da Anvisa, será alvo de contratação do governo federal", disse Pazuello em pronunciamento à imprensa. O ministro enfatizou que o planejamento compete à União e lançou uma indireta ao governador João Doria (PSDB): "não podemos dividir o Brasil num momento difícil que todos nós passamos".

Mais cedo, ao responder questionamentos de governadores sobre a vacina chinesa CoronaVac, Pazuello disse que a aprovação da Anvisa deve demorar dois meses após os resultados finais dos testes. O imunizante é produzido no Brasil em parceria com o Instituto Butantan, ligado ao governo de São Paulo. O ministro da Saúde afirmou que a substância será adquirida "se houver necessidade".

Cabe lembrar, no entanto, que o próprio presidente Jair Bolsonaro (sem partido) já declarou que o imunizante chinês não será adquirido. Em outubro, ele desautorizou um protocolo de intenção de compra feito pelo Ministério da Saúde. O presidente insinuou que o imunizante causaria morte, invalidez e anomalias e comemorou como uma vitória pessoal a suspensão das pesquisas após a morte de um voluntário. O óbito não estava relacionado à aplicação do imunizante.

 

Ele1 - Criar site de notícias