Quarta, 27 de Janeiro de 2021
89 994161886
Brasil Covid-19

SP reafirma início da vacinação no dia 25 e cobra apoio de prefeitos

Gorinchteyn diz que governador solicitou programa em setembro. "Estamos com dificuldades nas tratativas com o Ministério da Saúde"

06/01/2021 12h20
Por: Cirano Sousa Fonte: R7
SP reafirma início da vacinação no dia 25 e cobra apoio de prefeitos

O secretário de saúde do Estado, Jean Gorinchteyn, afirmou nesta quarta-feira (6) que São Paulo iniciará vacinação no dia 25 de janeiro e cobrou o apoio de prefeitos para o cumprimento do programa estadual de vacinação. 

"O governador entendia que não era justo a gente continuar a perder vidas se a única forma é por meio da vacinação. A vacina do Butantan se mostrou segura, nas três fases, a capacidade de produzir defesa e, na terceira fase, a eficácia estabelecida, com índices exigidos pela OMS e Anvisa."

O resultado dos testes da fase 3 da vacina, no entanto, ainda não foram divulgados pelo Instituto Butantan. A previsão inicial era de que os documentos fossem entregues à Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) no dia 15 de dezembro.

"O programa vai ocorrer, está desenhado para seu início no dia 25 de janeiro e para que esse plano seja de exemplo ao país, de proteção à vida, nós precisamos de cada um de vocês, de cada um dos municípios, apoio que sempre deram para outras campanhas, mas essa é diferente. Estamos no meio de uma das maiores crises sanitárias já vividas."

O secretário da saúde afirmou ainda que não adianta aumentar número de leitos, se os prefeitos não se comprometerem a evitar aglomerações e seguir os ritos sanitários. "Precisamos disponibilizar leitos de UTI, mas se tivermos um incremento numa velocidade muito alta talvez isso [deixar de atender pacientes] possa acontecer." 

"Vimos uma situação semelhante com a gripe espanhola e hoje vivemos uma guerra com um inimigo invisível que jamais imaginaríamos. Tivemos um incremento nos casos, óbitos e internações no Estado. Jamais imaginávamos esse aumento porque estávamos observando uma queda nos casos e voltou de uma forma forma abrupta. Temos 10 hospitais que atingiram sua capacidade máxima de atendimento."

Gorinchteyn disse ainda que o programa estadual de vacinação foi solicitado pelo governador em setembro. "O programa de imunização vai ocorrer, está programado para ter início em 25 de janeiro. Precisamos do apoio de cada um dos municípios. Estamos no meio de uma das maiores crises sanitárias já vividas."

 

 

Ele1 - Criar site de notícias